Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Santo André e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Santo André
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUN
03
03 JUN 2022
SAÚDE
VACINAÇÃO
Santo André disponibiliza quinta dose da vacina contra Covid-19
enviar para um amigo
receba notícias
Vacinação está disponível para pessoas com mais de 60 anos com alto grau de imunossupressão que tenham recebido a última dose há pelo menos quatro meses
Santo André, 3 de junho de 2022 – A Prefeitura de Santo André disponibilizou a quinta dose da vacina contra Covid-19 para pessoas com mais de 60 anos e que possuam alto grau de imunossupressão. Para se vacinar nos pontos drive-thru é necessário realizar agendamento no site psa.santoandre.br/vacinacovid. Se preferir, o idoso também pode ser vacinado em uma das 33 unidades de saúde, sem necessidade de agendamento.
 
"Mais um avanço importante para continuar a proteger a nossa gente. Com planejamento, que é a marca da vacinação de Santo André, vamos iniciar a aplicação da quinta dose do imunizante contra a Covid-19 para idosos com mais de 60 anos e alto grau de imunossupressão. Avançar na cobertura vacinal é a arma mais eficiente para combater o vírus com eficiência e segurança", pontua o prefeito Paulo Serra.
 
Para receber a dose de reforço, os idosos devem ter completado o ciclo vacinal, ou seja, devem ter recebido as quatro doses da vacina há pelo menos quatro meses.
 
Todos os munícipes deverão, obrigatoriamente, apresentar documento de identidade e comprovante das primeiras doses. 
 
Santo André já aplicou mais de 1,7 milhão de doses desde que a campanha de imunização contra a Covid-19 teve início. A cobertura com esquema completo de vacinação chegou a 100% da população com mais de 12 anos. 
 
São consideradas com alto grau de imunossupressão aquelas pessoas com imunodeficiência primária grave, que fazem quimioterapia, que são transplantadas de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH), utilizam drogas imunossupressoras, vivem com HIV/Aids e fazem uso de corticoides em doses maiores ou iguais a 20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por 14 dias ou mais.
 
Também são consideradas pessoas com alto grau de imunossupressão quem usa as seguintes drogas modificadoras da resposta imune: Metotrexato; Leflunomida; Micofenolato de mofetila; Azatiprina; Ciclofosfamida; Ciclosporina; Tacrolimus; 6-mercaptopurina; biológicos em geral (infliximabe, etanercept, humira, adalimumabe, tocilizumabe, Canakinumabe, golimumabe, certolizumabe, abatacepte, Secukinumabe, ustekinumabe); Inibidores da JAK (Tofacitinibe, baracitinibe e Upadacitinibe), faz hemodiálise, além das pessoas que têm doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, auto inflamatórias e doenças intestinais inflamatórias).

Vacina contra gripe - Devido à baixa adesão nacional, a vacinação contra influenza foi prorrogada para profissionais da saúde, idosos, crianças,  gestantes, puérperas,  pessoas com comorbidades, professores e pessoas privadas de liberdade nas 33 unidades de saúde do município.

| Texto: Rafaela Mazarin
rcpmazarin@santoandre.sp.gov.br / 4433-0142
| Fotos: Angelo Baima/PSA
Autor: Rafaela Mazarin
Seta
Versão do Sistema: 3.2.9 - 07/12/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia