Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Santo André e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Santo André
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUL
20
20 JUL 2022
SEGURANÇA PÚBLICA
Patrulha Maria da Penha prende homem por agressão no bairro Cata Preta
enviar para um amigo
receba notícias
Vítima, que tinha medida protetiva vigente, acionou as equipes da GCM de Santo André para realizar a prisão em flagrante
Santo André, 20 de julho de 2022 - Equipes de área da Guarda Civil Municipal (GCM) realizavam patrulhamento pela região do bairro Cata Preta na noite desta terça-feira (19), quando foram acionadas por uma mulher inserida no programa Patrulha Maria da Penha, da Prefeitura de Santo André, e que estava sendo agredida pelo ex-companheiro.
 
De imediato as equipes da Romu (Rondas Ostensivas Municipais) e da Patrulha Maria da Penha se dirigiram ao local da ocorrência e encontraram a vítima com lesões pelo corpo. A mulher contou que o homem exigia que o relacionamento dos dois fosse reatado. O agressor já ficou preso pelo mesmo crime neste ano.
 
A partir daí as equipes da GCM foram ao cerco do agressor pelo bairro. O homem foi localizado mas ofereceu resistência, desobedecendo à ordem de parada. Ele precisou ser contido para que fosse realizada a prisão. Tanto a vítima quanto o agressor foram conduzidos para a Central de Polícia Judiciária.
 
Contato - A GCM de Santo André pode ser acionada pelo telefone 153. No caso de mulheres que possuem medidas protetivas vigentes é possível também contatar a Guarda Civil Municipal utilizando o aplicativo "Ana". O app, desenvolvido por um GCM da cidade de Paulínia, no interior paulista, foi disponibilizado gratuitamente para uso em Santo André.
 
Nas situações de risco à integridade física destas mulheres, a vítima aciona um botão do aplicativo "Ana" e um alarme soa na sede do COI (Centro de Operações Integradas) da Prefeitura e também na sede da GCM, dando agilidade no atendimento de ocorrências desta natureza.


 
Autor: Daniel Betega
Seta
Versão do Sistema: 3.2.8 - 16/11/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia