Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Santo André e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura Municipal de Santo André
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
DEZ
04
04 DEZ 2023
EMPREENDEDORISMO
Empreendedoras atendidas no Cras Alzira Franco se reúnem para dar continuidade nas ações do Mil Mulheres
enviar para um amigo
receba notícias
Ação foi a última do Programa Circuito Mulheres Empreendedoras em 2023
Mobilizadas pela equipe do Cras (Centro de Referência em Assistência Social) Alzira Franco, um grupo de empreendedoras se reuniu na manhã da última sexta-feira (1º) na unidade para dar continuidade às ações do programa de empreendedorismo feminino Mil Mulheres. 

As mulheres haviam participado, em maio, das ações do Circuito Mulheres Empreendedoras, iniciativa, realizada pela Secretaria de Desenvolvimento e Geração de Emprego e pela Escola de Ouro Andreense, em parceria com o Sebrae, com o objetivo de impulsionar o empreendedorismo feminino, oferecendo capacitação, orientação e inspiração para mulheres em situação de vulnerabilidade das regiões mais afastadas do Centro.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento e Geração de Emprego, Evandro Banzato, a iniciativa é fundamental para estimular o desenvolvimento do empreendedorismo feminino. "Se em um primeiro momento as mulheres puderam se qualificar, neste segundo momento elas passaram a ter uma consultoria e receberam assessoria para comercializarem os seus produtos. Passada a fase de qualificação, agora veio a de lapidação para que efetivamente elas possam empreender ou ingressar no mercado de trabalho e alcançarem a tão desejada renda", contou.

Na ação da última sexta, as empreendedoras tiveram a oportunidade de exporem seus trabalhos e tirar dúvidas sobre formalização e emprego, por meio da Sala do Empreendedor Andreense e CPETR (Centro Público de Emprego, Trabalho e Renda).

“A iniciativa busca impulsionar o empreendedorismo feminino, é uma ação que vai além de oferecer conhecimentos técnicos, pois também é um importante momento para compartilhar histórias inspiradoras e fortalecer a rede de mulheres empreendedoras”, disse o secretário de Assistência Social, André Scarpino.

Para a empreendedora Alda Célia Dias Soares, atendida pelo programa em maio e nesta última ação, a iniciativa qualifica as mulheres para que possam empreender. “A experiência foi bastante interessante porque veio até nós, na comunidade, e integrou muito em termos de conhecimento, para você montar o seu primeiro negócio. No meu caso, já estou desenvolvendo um projeto com a costura criativa, então isso somou muito para eu ter bastante informação de como se colocar no mercado e precificar os produtos”, contou.

A iniciativa encerrou a agenda de 2023 do Circuito Mulheres Empreendedoras, que contou com 10 ações ao longo do ano. Ao todo, o programa já atendeu 106 mulheres desde a sua primeira edição, em setembro de 2022, no Cras Jardim Cristiane.

Texto Renan Muniz
Foto: Divulag
Fonte: Secretaria de Desenvolvimento e Geração de Emprego, Secretaria de Assistência Social
Autor: Paola Zanei
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia